O Que É Ciclo de Vida do Produto e Como Aplicar em Eletromóveis

Em poucas palavras, o ciclo de vida de um produto é toda a história — ou trajetória — do mesmo, transcorrendo todas as fases de existência. Desde a sua introdução no mercado até a retirada, passando pelo crescimento e também por sua maturidade. Porém, entender realmente o que é ciclo de vida do produto é um pouco mais complexo.

É deste conceito que vem a obsolescência programada — bastante conhecida no mundo dos eletrônicos — que é quando um produto é introduzido e já se sabe exatamente quando será retirado do mercado. A partir do momento que são conhecidas as etapas do ciclo, pode-se entender em que fase está do processo, desenvolvendo ações muito mais assertivas.

Entendendo a fundo o que é ciclo de vida do produto

Cada tipo de produto conta com um ciclo de vida diferente. Brinquedos, por exemplo, costumam ter ciclos bastante curtos. Sabonete, shampoo e materiais de limpeza contam com ciclos mais longos, assim como materiais de construção.

Quando pensamos no que é ciclo de vida do produto, é fácil identificar itens que já passaram por todas as fases, como aparelhos de fax, CDs e incontáveis modelos de celular. No mundo dos eletromóveis, tudo depende do desenvolvimento de novas tecnologias. Quanto tempo vai demorar para que a indústria desenvolva algo ainda melhor? Essa é a pergunta que deve ser feita.

Por que conhecer cada uma das etapas?

Depois de entender o que é ciclo de vida do produto, conhecendo profundamente aquilo que você está introduzindo no mercado e sabendo exatamente quem é o seu público-alvo, você poderá desenvolver estratégias muito mais assertivas de marketing, promoção e distribuição.

Confira quais são as etapas:

fase de introdução — planejar-se para arcar com mais custos em campanhas para promoção do produto. As vendas costumam ser mais baixas;
fase de crescimento — começam a surgir concorrentes e é preciso pensar em estratégias de marketing para se destacar deles, além de existir o aumento da demanda e, portanto, da produção;
fase de maturidade — atinge-se o ápice e ocorre a estabilização das vendas. Pode ser a hora de pensar em uma nova versão ou em modernização;
fase de declínio — é hora de se preparar para descontinuar aquele produto e substituí-lo.

É sempre bom lembrar que é preciso acompanhar as mudanças de seu público-alvo para manter-se sempre atualizado. Pode ser que a preferência do consumidor simplesmente mude e você precisará se adaptar a isso.

Gostou de saber o que é ciclo de vida do produto? Para continuar lendo sobre conteúdos relevantes para você e a indústria continue acompanhando o blog da Mixtel!