Como Calcular Ponto de Reposição de Estoque em Lojas de Eletromóveis?

O estoque de uma loja é o que permite o seu pleno funcionamento. É ele que vai ditar os produtos que faltam, os que estão em maior quantidade e não saem, os que podem gerar vendas ou não, entre outros. Para obter bons rendimentos, é importante ficar atento a esses detalhes e, principalmente, saber como calcular ponto de reposição de estoque para não prejudicar o funcionamento e lucro da empresa.

Fatores que englobam um bom controle de estoque

É de enorme importância ter controle do estoque, pois ele tem ligação direta com a produtividade da equipe de vendas. Sem uma boa gestão de reposição de produtos, a empresa pode sofrer prejuízos e corre o risco de perder clientes. Por isso, a reposição no tempo certo é capaz de reduzir custos e ainda contribuir para o aumento das vendas e o lucro obtido.

Sendo assim, é importante definir intervalos para a compra e reposição. O mais comum é realizar parcerias com fornecedores para facilitar e agilizar os processos, principalmente quando falamos de lojas de eletromóveis.

Diante disso, o cálculo do ponto de reposição fica mais fácil de ser feito. Agora, aprenda como calcular ponto de reposição de estoque e melhore a gestão da sua empresa!

Como calcular ponto de reposição de estoque?

Para realizar o pedido da reposição dos produtos de sua loja é preciso levar alguns fatores em consideração.

Primeiro, é necessário saber o tempo que leva para emitir o pedido de compra dos novos produtos ao fornecedor. Depois, analise o tempo que o fornecedor leva para preparar o pedido da compra. Por fim, veja também o tempo gasto pelo transporte da mercadoria até a sua empresa.

Com essas informações em mãos, está na hora de saber como calcular ponto de reposição de estoque da sua loja de eletromóveis.

Aprenda o cálculo

Para isso, basta seguir a fórmula PP = C * TR + Emn, em que:

PP = Ponto de Pedido
C = Média de Consumo das Mercadorias por dia
TR = Tempo de Reposição por dia
Emn = Estoque mínimo.

O Ponto de Pedido (PP) vai demonstrar a média de Consumo das Mercadorias (C) multiplicado pela quantidade de dias até ter a reposição (TR), acrescentado ao estoque mínimo (Emn) — dessa forma, é possível saber quando será necessário realizar o pedido de reposição de uma determinada peça de acordo com o número de unidades que ainda há da mesma no estoque.

Sabendo disso, será possível melhorar efetivamente sua gestão de estoque, elevando as vendas da loja, entregando o que os clientes esperam e evitando atrasos e falta de produtos.

Continue acompanhando o blog da Mixtel para ler mais notícias sobre gestão empresarial e melhorar o gerenciamento de sua empresa.